O que é um Collar e para que serve? - Monte Bravo

O que é um Collar e para que serve?

30/03/2022 às 16:14

30

Quarta

Mar

2 minutos de leitura
Compartilhar
Compartilhe

O Collar é uma estratégia de defesa para o(a) investidor(a) que já possui ou deseja comprar um ativo como proteção. Nessa estrutura, quem investe consegue garantir que a posição seja mantida em caso de queda do mercado ao mesmo tempo em que possibilita as chances de ganhos, se houver valorização e aumento de preços. No entanto, é importante ressaltar que o investidor tem as perdas e ganhos máximos limitados nestes casos.

Para realizar um collar é preciso ter a presença de três componentes: o ativo negociado, uma call – a venda de uma opção de compra – e a put – a compra de uma opção de venda. Por isso, a estratégia é considerada uma operação casada.

Por exemplo: um investidor tem 1000 ações em carteira adquiridas a R$20 cada. Ele, então, compra a mesma quantidade em opções de venda (put) com um preço de exercício (strike) em R$22 e vende 1000 opções de compra (call) com strike em R$24.

Ao lançar uma call, o investidor acredita que o preço das ações vai ficar abaixo do preço de exercício. Assim, não é vantajoso para o comprador realizar a compra. Dessa forma, o investidor lucra com o prêmio da venda da call e não precisa entregar a ação ao comprador.

Leia também:

Quais as tendências e onde investir em 2022?

15 desistências de IPO´s – o que nos aguarda para 2022?

O IOF vai acabar até 2029

Ao comprar as opções de venda (put), o investidor garante o direito de vender os ativos pelo valor de R$20. Dentro de um collar, caso haja uma baixa no mercado e as ações passem a ser cotadas a R$18, por exemplo, o lançador da put deverá comprar de volta os ativos a um preço maior, fazendo com que o investidor do collar ganhe na operação.

O risco deste tipo de estratégia está na falta de disciplina para o acompanhamento. Por isso, é fundamental ter o acompanhamento de uma assessoria de investimentos e lembrar que, embora seja uma estrutura protetiva, é importante que ela esteja alinhada ao perfil do investidor (neste caso, aqueles com perfil mais arrojado e disposto a riscos). Também vale lembrar que este tipo de operação não deve ser feito com recursos dos quais o investidor precisará em curto prazo.

Artigos Relacionados

  • 16

    Quinta

    Mai

    16/05/2024 às 10:47

    Investimentos

    Desvendando os Juros Compostos: Estratégias para Multiplicar seus Investimentos

    Compartilhe

    CompartilheVocê já deve ter ouvido falar sobre os juros compostos, mas sabe como aproveitá-los ao máximo nos seus investimentos, para multiplicar o seu patrimônio? Neste guia completo, exploraremos estratégias sólidas e práticas para ajudar você a potencializar seus ganhos e alcançar seus objetivos financeiros.  O Que São Juros Compostos e Por Que Eles Importam? Em …

    Continue lendo
  • 10

    Sexta

    Mai

    10/05/2024 às 16:21

    Investimentos

    Tabela Periódica | Monte Bravo

    Compartilhe

    CompartilheHistóricos dos retornos de ativos selecionados Abril foi um mês de forte alta das taxas de juros nos EUA  Tabela Periódica Brasil – Retornos de Classes e Subclasses Fonte: Bloomberg. Elaboração: Monte Bravo. Data Base: 30/04/2024 IBOV: Índice da Bolsa de Valores de São Paulo – principal indicador de ações do Brasil Glossário Brasil Carteiras …

    Continue lendo
  • 06

    Segunda

    Mai

    06/05/2024 às 16:05

    Investimentos

    A Carta Mensal de maio já está disponível!

    Compartilhe

    CompartilheNesta edição, nossos especialistas pontuam que a perspectiva para os investimentos em ativos brasileiros em 2024 segue favorável. A incerteza em relação à desinflação, no entanto, atrasou os cortes nos EUA — postergando o rally destes ativos. Confira mais alguns dos principais temas abordados:

    Continue lendo

Fechar

Loading...