Venture capital abre as portas para o crescimento de startups

Venture capital abre as portas para o crescimento de startups

22/07/2021 às 17:44

22

Quinta

Jul

2 minutos de leitura
Compartilhar
Compartilhe

Os investimentos em venture capital vêm crescendo de maneira expressiva no Brasil. Segundo a associação que representa essa modalidade de aporte, a injeção de recursos em capital de risco representou R$ 14,6 bilhões em 2020, o maior patamar na série histórica iniciada em 2017. Ao todo, mais de R$ 150 bilhões estão comprometidos com este segmento.

Na avaliação da ABVCAP, isso decorre da expansão do ecossistema de inovação no Brasil. O relatório da associação indica que mesmo em um ano repleto de turbulências, os investimentos cresceram exponencialmente, sinalizando para a consistência dos novos negócios no país.

Sim, estamos falando basicamente de novos negócios, que são o alvo dos investimentos em venture capital. Neste segmento, fundos privados e investidores individuais aportam recursos em negócios com enorme projeção de crescimento, mas que ainda têm faturamento com menor musculatura.

São os casos das startups, naturalmente, mas também de outros modelos de negócio que associam tecnologia, inovação e a revolução digital em favor de novos processos, produtos e serviços.

Por aqui, as fintechs lideram os investimentos em venture capital (23%), seguidas pelas healthtechs (11%) e pelas adtechs e martechs (10%). 

O venture capital está mais adaptado aos modelos de negócio escalável, e por isso é tão afeito às startups. Normalmente, as injeções de recursos são organizadas por meio de rodadas de investimentos – chamadas de seed (investimento semente) e series. O que vai determinar cada estágio é justamente o patamar de crescimento que a empresa já recebeu ao longo do tempo.

Para estrear neste segmento, além de contar com uma equipe de assessoria de investimentos, é preciso compor um dos três cenários:

  • Fundos de Investimentos em Participações (FIPs) – Captação coletiva de recursos, semelhante a um condomínio de investimentos;
  • Companhias de participações;
  • Investidores individuais.

O investimento em venture capital é arriscado. Entretanto, empresas que começaram pequenas, chegaram a se tornar unicórnios. Quem investiu nesse pessoal obteve ganhos. Trata-se de um risco calculado que, se amparado por uma boa assessoria de investimentos, tem condições de ser revertido em bons resultados.

Artigos Relacionados

  • 16

    Quinta

    Mai

    16/05/2024 às 10:47

    Investimentos

    Desvendando os Juros Compostos: Estratégias para Multiplicar seus Investimentos

    Compartilhe

    CompartilheVocê já deve ter ouvido falar sobre os juros compostos, mas sabe como aproveitá-los ao máximo nos seus investimentos, para multiplicar o seu patrimônio? Neste guia completo, exploraremos estratégias sólidas e práticas para ajudar você a potencializar seus ganhos e alcançar seus objetivos financeiros.  O Que São Juros Compostos e Por Que Eles Importam? Em …

    Continue lendo
  • 10

    Sexta

    Mai

    10/05/2024 às 16:21

    Investimentos

    Tabela Periódica | Monte Bravo

    Compartilhe

    CompartilheHistóricos dos retornos de ativos selecionados Abril foi um mês de forte alta das taxas de juros nos EUA  Tabela Periódica Brasil – Retornos de Classes e Subclasses Fonte: Bloomberg. Elaboração: Monte Bravo. Data Base: 30/04/2024 IBOV: Índice da Bolsa de Valores de São Paulo – principal indicador de ações do Brasil Glossário Brasil Carteiras …

    Continue lendo
  • 06

    Segunda

    Mai

    06/05/2024 às 16:05

    Investimentos

    A Carta Mensal de maio já está disponível!

    Compartilhe

    CompartilheNesta edição, nossos especialistas pontuam que a perspectiva para os investimentos em ativos brasileiros em 2024 segue favorável. A incerteza em relação à desinflação, no entanto, atrasou os cortes nos EUA — postergando o rally destes ativos. Confira mais alguns dos principais temas abordados:

    Continue lendo

Fechar

Loading...